Atletismo

FMD contabiliza prejuízos de estruturas afetadas por ciclone extratropical


Por Arthur | 2 de julho de 2020

A Fundação Municipal de Desportos (FMD) de Rio do Sul busca finalizar ainda nesta semana um relatório completo sobre os locais atingidos pelo ciclone extratropical que atingiu o município e regiões do Estado na terça-feira.

 

Diversas estruturas esportivas do município foram afetadas. Um levantamento detalhado de todos locais atingidos aponta as perdas para o esporte, além dos valores que precisam ser investidos em cada espaço para recuperação. O Estádio Municipal Alfredo João Krieck foi um dos locais mais afetados. Houve destelhamento em parte da arquibancada principal do espaço, além disso, na arquibancada geral todo espaço foi destelhado. Levantamento preliminar aponta que cerca de R$ 25 mil são necessários para recuperação do telhado da arquibancada principal.

 

O atletismo também foi afetado. Com a força do vento, a casa de treinos, onde árbitros e atletas ficam, foi arremessada no muro do estádio. O Ginásio Municipal também teve deslocamento de telhas e exaustores, assim como a Cancha Municipal. Servidores da Fundação já atuam na limpeza desses espaços.

 

A estrutura de largada da Pista de Bicicross também foi afetada pela força do vento, destruindo também o gate do espaço. Destelhamentos também foram registrados no Parque do Farol, local de treino do karatê, e no Ginásio do CEI Sebastião Back, onde há polos de futsal.

 

“Com a volta dos serviços de telefonia e internet, estamos conseguindo fazer um levantamento mais amplo. Enquanto uma parte dos servidores atua na limpeza, outro grupo atua com os orçamentos para contabilizar os prejuízos. As perdas foram grandes, mas agora é trabalhar para recuperar e voltarmos nossas atividades “, comentou o diretor executivo da FMD, Sérgio Luis Schlemper.